"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

03/03/09

"A Mais Louca Viagem no Espaço!!"







"Imagina que constróis um foguetão no teu quarto.
Imagina que descolas até ao espaço.
Imagina que vais salvar o Mundo.
Imagina que tudo o que imaginas é real!"






Hoje tivemos a oportunidade única de assistir a uma peça de teatro, que nos relembra o significado da imaginação, do mundo colorido, tão diferente do mundo a "preto e branco"!!



A nova aventura do Teatro Reflexo vira tudo "de pernas para o ar"...



Xavier descola até ao planeta Soturno, quando descobre que é filho de uma Estrela. Este jovem herói, inicia a sua viagem pela Galáxia à procura do planeta onde nasceu. Mal lá chega, descobre que as coisas são muito diferentes do planeta Terra:



"a vida é a preto e branco e ninguém tem sentimentos."



No entanto, Xavier tem uma missão a cumprir, e está decidido a devolver a cor e as emoções aos habitantes de Soturno.Para isso vai contar com a ajuda de Alice, a sua melhor amiga, e Zorg, um extraterrestre muito divertido. Como qualquer herói que se preze, este também tem um super-poder: a imaginação, que lhe permite enfrentar o perigo ao comando da sua fantasia.Mas será o seu poder suficiente para evitar que o terrível Sr. Dr. Ávila o faça desaparecer para sempre na escuridão infinita do Buraco Negro?



É claro que sim, Xavier derrota o mal...e o planeta ganha cor e alegria, pois sem riso a vida não tem sentido!



Foi um momento mágico, que esta peça nos soube trazer.



Eu senti-me qual criança, presa pelo sonho e fantasia. Adorei apreciar também a maneira como os meus alunos desfrutaram deste momento teatral, em especial dois alunos: o David e o Gustavo, pois ambos são crianças autistas, mas estavam encantados com a peça! Nunca vira o Gustavo tão compenetrado, tão feliz!



Sem comentários:

Enviar um comentário

Fascinante!

Fascinante!

Bons Sonhos!

Bons Sonhos!

"Poema em P"

"Poema em P"

Criar e imaginar

Criar e imaginar

Momentos...

Momentos...

" A Menina do Mar"

" A Menina do Mar"

"A viúva e o papagaio"

"A viúva e o papagaio"

"O meu amigo, o sono"

"O meu amigo, o sono"