"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

29/04/09

Presente especial


No meu mail, tinha um presente especial de uma colega da escola, que muito admiro: a Paula Filipe.

Ela quis homenagear as Mães, com este lindíssimo poema, da autoria de sua Mãe, que não resisto a partilhar, com os meus leitores.



Obrigada, Paula e abençoadas sejam todas as mães.


Mãe
"Ser mãe é o grande sonho
que toda a mulher quer ter.
O mundo fica mais risonho
e enriquece o seu saber.
Mãe, és a estrela cadente
que ilumina a minha vida.
Mas se estiveres ausente
sem ti me sinto perdida.
Nos teus braços adormeço.
Um belo sono profundo.
Estou feliz e reconheço,
tenho a melhor mãe do mundo!
No teu colo me aconcheguei,
quando foi ao nascer.
Olhei para ti e chorei
com medo de te perder.




No teu peito me alimento.
Teu sorriso me faz bem.
Nunca em qualquer momento
do teu amor duvidei.
És a mãe muito amada,
que trago no coração.
Como não tenho mais nada
dou-te a minha gratidão.
Amor de mãe não tem preço.
É mais forte que os vendavais.
Começa antes do berço
e não acaba nunca mais.
Este amor infinito
que pelos filhos tu tens,
não há amor tão bonito
como o teu MINHA MÃE".

Cidália Narciso

1 comentário:

disse...

Passei para te agradecer as palavras tão meigas que deixaste no meu blog...OBRIGADA por me acompanhares!
BJ DA Bé

Enviar um comentário

Fascinante!

Fascinante!

Bons Sonhos!

Bons Sonhos!

"Poema em P"

"Poema em P"

Criar e imaginar

Criar e imaginar

Momentos...

Momentos...

" A Menina do Mar"

" A Menina do Mar"

"A viúva e o papagaio"

"A viúva e o papagaio"

"O meu amigo, o sono"

"O meu amigo, o sono"