"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

26/01/11

Ovos ou pedras?

Hoje voltemos a histórias menos sérias, talvez mais infantis, mas com uma boa dose de imaginação e humor.
Trata-se de um texto do Dénnis do 5ºA, que escreveu esta fábula a propósito da personificação:
Um dia um galo estava a procurar milho para os seus filhotes e encontrou um lobo...Então meteu conversa com ele e perguntou:
-Oh, lobo, que fazes aqui a estas horas?
-Vim procurar alimento.
-Eu também, vim fazer o mesmo.
O lobo queria comer o galo, mas o galo era esperto...
Quando o lobo disse:
-Queres vir a minha casa, comer um caldinho que eu fiz?
O galo logo respondeu:
-Não posso, a minha família está à minha espera na capoeira, pois a minha mulher dá à luz hoje!
Então o lobo resolveu atacar o galo, mas o galo teve uma ideia:
-Olha, eu dou-te os meus filhotes, para comeres. Vou buscar os ovos à capoeira e tu ficas aqui à minha espera.
-Está bem! Mas não demores, porque estou com muita fome.
O galo regressou dali a pouco com umas pedras pintadas, que pareciam ovos!
Mal o lobo trincou uma, caiu-lhe um dente e começou a gemer de dores! O galo aproveitou-se disso e empurrou o lobo de um precipício abaixo! Não foi difícil pois o lobo saltava no ar, agonizando de dores, por ter trincado a pedra!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Fascinante!

Fascinante!

Bons Sonhos!

Bons Sonhos!

"Poema em P"

"Poema em P"

Criar e imaginar

Criar e imaginar

Momentos...

Momentos...

" A Menina do Mar"

" A Menina do Mar"

"A viúva e o papagaio"

"A viúva e o papagaio"

"O meu amigo, o sono"

"O meu amigo, o sono"