"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

17/02/11

Peixinho dourado!

Vivia num rio...
E era dourado
Mas veio um dia
Que foi apanhado!

Mesmo preso na rede
Teve muita sorte
Pois com os amigos
Escapou da morte!

Daí em diante
Vive de outra maneira...
Cresceu, Brincou, nadou...
E não cometeu a mesma asneira!

Diogo, 5ºA

1 comentário:

Maria da Luz Borges disse...

Parabéns Diogo! Uma bela poesia!!!

Enviar um comentário

Fascinante!

Fascinante!

Bons Sonhos!

Bons Sonhos!

"Poema em P"

"Poema em P"

Criar e imaginar

Criar e imaginar

Momentos...

Momentos...

" A Menina do Mar"

" A Menina do Mar"

"A viúva e o papagaio"

"A viúva e o papagaio"

"O meu amigo, o sono"

"O meu amigo, o sono"