"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

08/06/12

O Golfinho...

Nas profundezas do mar,
Nada sem parar,
Um golfinho amarelo sorridente
Que comigo quis ficar

Peguei-lhe na barbatana,
E com ele fui brincar,
Aproveitei para confirmar…
Quanta beleza tinha aquele mar.

Vi peixes e peixões
Algas e mexilhões
Pequenos caranguejos
E grandes tubarões!

Jogamos à bola com uma concha,
Fomos almoçar ao castelo
Comemos algas com camarões
Mas que sitio tão belo!

Fizemos corridas
Montados em lindos cavalos-marinhos
Ganhamos os dois
Trocamos muitos sorrisinhos



Parámos um pouco para descansar
Mas aquele golfinho amarelinho
Tão jovem e bonitinho
Nunca estava cansadinho

Vimos passar uma sereia,
Tão bela e luminosa
Mas a sua cauda
Era bastante lustrosa!

Estava na hora de partir,
Mas não queria voltar
Tinha que o fazer,
Mas prometi regressar

Inês Costa, 5ºA

3 comentários:

Anónimo disse...

Rita 6ºA

Se houver aulas de esclarecimento de duvidas de lingua portuguesa gostava de saber as horas e os dias.

Obrigado!

Isabel Preto disse...

Rita: vou estar lá amanhã, apartir das dez, na sala 12, para esclarecer dúvidas.
Beijinhos.

Isabel Preto disse...

Querida Rita, 2ª tenho reunião de avaliação do 5ºano, por isso, não posso. Não te preocupes, princesa, vais ter boa nota.
Mil beijos.

Enviar um comentário

Fascinante!

Fascinante!

Bons Sonhos!

Bons Sonhos!

"Poema em P"

"Poema em P"

Criar e imaginar

Criar e imaginar

Momentos...

Momentos...

" A Menina do Mar"

" A Menina do Mar"

"A viúva e o papagaio"

"A viúva e o papagaio"

"O meu amigo, o sono"

"O meu amigo, o sono"