"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

23/09/12

O pássaro Verde...de Alice Vieira

" Um dia adoeceu o pássaro verde.
A princesa chorava sem saber o que fazer. Olhava para ele e cada dia o via mais magro e sem forças, as penas a perderem o brilho, o canto a esvair-se na garganta.
-Diz-me o que posso fazer para te curar-pediu-lhe a princesa."
O pássaro, muito doente e frágil, respondeu:
-Vai ao feiticeiro na aldeia, que fica perto daqui.Ele poderá ajudar...
Ela foi a correr à aldeia, mas quando lá chegou viu tudo fechado: portas, janelas...tudo!Batia às portas, mas ninguém abria. Sentia-se desesperada,sem saber o que fazer...
De súbito, viu um homem a passar na rua e ela perguntou-lhe pelo feiticeiro, porém não obteve resposta!
Mais adiante, viu outro homem carregado de poções e a princesa inquiriu:
-És o feiticeiro?
-Sim...Finalmente, encontraste-me!
-Preciso de ajuda para um amigo, que está muito doente.
O feiticeiro acompanhou-a ao palácio, onde o pássaro estava quase morto!
O feiticeiro fez um feitiço e conseguiu curá-lo...Nesse instante, o pássaro verde transformou-se num belo príncipe, pois havia sido amaldiçoado pela bruxa horrível da aldeia.
A partir desse instante, na aldeia, voltou a haver vida: as janelas e portas abriram-se e todos vieram festejar nas ruas.
A princesa e o príncipe acabaram por casar e parece que viveram felizes para sempre.
                                                                                                Rodrigo, 5ºE

1 comentário:

Anónimo disse...

Rodrigo, muitos parabéns pelo teu texto. Está muito bem redigido, para além de teres muita imaginação. Continua assim...

Enviar um comentário

Fascinante!

Fascinante!

Bons Sonhos!

Bons Sonhos!

"Poema em P"

"Poema em P"

Criar e imaginar

Criar e imaginar

Momentos...

Momentos...

" A Menina do Mar"

" A Menina do Mar"

"A viúva e o papagaio"

"A viúva e o papagaio"

"O meu amigo, o sono"

"O meu amigo, o sono"