"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

10/11/15

Ser diferente tem o seu lado especial!

Era uma vez um lápis que vivia num estojo rodeado de canetas.       
Mas naquele estojo não existia nem uma borracha.
O lápis já tinha ouvido falar que as borrachas tinham o dom de apagar tudo aquilo que os lápis escreviam.
O lápis sentia uma curiosidade enorme em conhecer uma borracha de perto.
Certo dia uma pequena borracha cor-de-rosa apareceu no estojo. O lápis ficou admirado e curioso e disse para a borracha:
- Olá, vieste de longe?- interrogou o lápis.
- Olá, sim, vim de muito longe. Estive numa loja e tu?- questionou a borracha.
- Eu já não me lembro muito bem como vim aqui parar. São muitos anos a viver neste estojo, apenas eu e as canetas, mas sempre quis conhecer uma borracha.
Foi então que a borracha ficou vermelha de tanto corar e disse:
- Porque é que sempre quiseste conhecer uma borracha?
- Porque sempre ouvi dizer que vocês têm o dom de apagar tudo que, nós os lápis, escrevemos.
- É verdade! E apagar faz imensas cócegas.
E riram-se os dois.
Fez-se silêncio e o lápis disse:
- Prometes ficar sempre comigo?
- Sim, prometo ficar sempre contigo e, sempre que errares, eu vou estar aqui para apagar os teus erros!- exclamou a borracha.
O lápis sorriu e afirmou:
- Eu também vou estar sempre aqui para ti. Estou tão feliz por ter uma amiga como tu!

Dito isto, os dois abraçaram-se e perceberam que ser diferente tem o seu lado especial.

João Seixas, 5ºH

Sem comentários:

Enviar um comentário

Fascinante!

Fascinante!

Bons Sonhos!

Bons Sonhos!

"Poema em P"

"Poema em P"

Criar e imaginar

Criar e imaginar

Momentos...

Momentos...

" A Menina do Mar"

" A Menina do Mar"

"A viúva e o papagaio"

"A viúva e o papagaio"

"O meu amigo, o sono"

"O meu amigo, o sono"