"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

07/12/15

Ver com olhos de ver: Cordas/O Filme

Esta história fez-me entender que a realidade de algumas pessoas é bem diferente da que nós imaginamos.
Neste caso, conseguimos ver que a Maria tinha "o coração do tamanho do mundo", pois não desistia do seu amigo, com paralisia cerebral. Ela era incansável e tornou os últimos dias da vida do seu amigo, os mais felizes que, provavelmente, ele tivera, na sua curta existência.
A amizade e o carinho que ela sentia por ele, permaneceram para sempre.
Esta história sensibilizou-me bastante, apesar de ter um desfecho triste. Contudo, este desfecho é a realidade triste de tantas crianças. Percebi que podemos criar amizades com estas crianças tão especiais, que precisam do nosso companheirismo e da nossa atenção.

Ser deficiente
Também é ter qualidades
Necessitar de um mundo adaptado
Para viver a realidade
E superar as dificuldades


Alguém com paralisia cerebral
É alguém com sensibilidade e amor
Que só quer a nossa atenção
E o nosso coração

Rodrigo Aguiar, 5ºH

Sem comentários:

Enviar um comentário

Fascinante!

Fascinante!

Bons Sonhos!

Bons Sonhos!

"Poema em P"

"Poema em P"

Criar e imaginar

Criar e imaginar

Momentos...

Momentos...

" A Menina do Mar"

" A Menina do Mar"

"A viúva e o papagaio"

"A viúva e o papagaio"

"O meu amigo, o sono"

"O meu amigo, o sono"