"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

26/04/17

Palavras intrusas na escrita criativa

Eu sou um cavaleiro
e chamo-me "Queiro"
luto o dia inteiro
e tenho um bom cheiro

Salvo o reino de verdade
e faço com que tudo se torne realidade 
os maus não consigo entender
porque é que fazem o mundo doer?

Às vezes vou ao rio
mesmo quando sinto frio
combater os maus
tento os problemas atravessar
mas sem nunca me magoar

Gosto muito de um som musical
mas nunca o som do mal
não gosto do mundo obscuro
porque as feridas nunca curo

Também tenho um amigo míope
mas não gosto que ele lute
gosto de o proteger
e sempre consigo vencer!

Vasco, 6ºJ

É escrever sem parar,
então vou-me expressar...
de uma pessoa vou falar,
que me faz sempre sonhar.

É professora
e encantadora,
é professora de Português,
mas também é de Francês.

Às vezes não parece realidade,
pois é uma raridade.
Não consigo entender tanto amor,
e carinho que ela dá.

Frio não existe na aula de Português,
só um amor quente.
Não é famosa por correr, mas atravessar o mundo todo, ela consegue,
para salvar um coração!

É um mundo musical,
que nos encanta...
Estar nas aulas de Português nunca é obscuro,
mas muito brilhante
portanto nada, nada escuro!

E quem é míope?
Até um cego vê,
a beleza dela,
de uma professora chamada Isabel.

Miriam, 6ºJ

Sem comentários:

Enviar um comentário

Fascinante!

Fascinante!

Bons Sonhos!

Bons Sonhos!

"Poema em P"

"Poema em P"

Criar e imaginar

Criar e imaginar

Momentos...

Momentos...

" A Menina do Mar"

" A Menina do Mar"

"A viúva e o papagaio"

"A viúva e o papagaio"

"O meu amigo, o sono"

"O meu amigo, o sono"