"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

18/01/13

O Extraterrestre valente!

No tempo em que as galinhas tinham dentes e os porcos voavam, havia um planeta mágico onde vivia um extraterrestre chamado "Galaxi". Tinha um nariz grande e era capitão de uma nave espacial.
Um dia encontrou um cometa, que tinha dentro um mapa. Seguiu o mapa, até ao planeta do labirinto. Quando lá chegou, viu uma grande montanha com uma espada presa no topo. Esta espada era mágica, porque conseguia transformar quem a tivesse, no tamanho que quisesse.
O extraterrestre entrou o labirinto e encontrou um robot chamado "X7". Foram os dois à montanha, buscar a espada. No caminho, encontraram um gigante que disse:
- Aqui, vocês não passam!
O robot voou até à montanha e agarrou na espada e deu-a ao "Galaxi", que ficou do tamanho do Gigante, claro está!
"Galaxi" pegou imediatamente no Gigante e atirou-o para o espaço.
"Galaxi" e "X7" ficaram amigos e regressaram ao Planeta Mágico com a espada mágica.
Meu dito, meu feito, este conto saiu perfeito.

André Magni, 5ºD

Sem comentários:

Enviar um comentário

Fascinante!

Fascinante!

Bons Sonhos!

Bons Sonhos!

"Poema em P"

"Poema em P"

Criar e imaginar

Criar e imaginar

Momentos...

Momentos...

" A Menina do Mar"

" A Menina do Mar"

"A viúva e o papagaio"

"A viúva e o papagaio"

"O meu amigo, o sono"

"O meu amigo, o sono"