"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

29/05/13

Escrever...Sentir...Poesia

Partindo de "Os Poemas da Mentira e da Verdade", de Luísa Ducla Soares, alguns alunos do 5ºD aventuraram-se a ser poetas/poetisas:

O Verão está a chegar
O bom tempo não vai faltar
Animação está no ar
Com os meus amigos, vou brincar!

                                                     Ivair


Era uma vez uma galinha,
Uma galinha muito diferente!
Enquanto as suas amigas não se penteavam,
Esta andava sempre com um pente!

Era uma vez um porco,
Um porco muito matreiro!
Enquanto os outros descansavam,
Ele esvaziava o galinheiro!

Era uma vez uma ovelha,
Uma ovelha muito cabeluda!
Enquanto as outras se depilavam,
Ela gostava de ser "guedelhuda"!

Era uma vez um touro,
Um touro que gostava muito de "marrar"!
Enquanto os outros lutavam,
Ele punha-se a estudar!

Era uma vez uma abelha,
Uma abelha que vivia na colmeia!
Enquanto as outras trabalhavam,
Ela mergulhava na geleia!

Era uma vez uma professora,
Uma professora que explicava bem a lição!
Enquanto a professora ensinava,
Alguns armavam confusão!

Era uma vez uma menina,
Uma menina que está a falar!
Ela tem a dizer:
"O Poema vai acabar!"

Inês Capelinha

Na Primavera há lindas flores
Flores com cores alegres
Alegres, as crianças brincam
Brincam nos longos campos verdes
Verdes as ervas arrancadas pelos agricultores
Agricultores a fazer pela vida
Vida, o nosso bem mais precioso!

Eva

Serra da Estrela
Estrela  da noite
Noite escura e fria
Fria como a neve
Neve macia e branca
Branca como a pomba da Paz
Paz na terra
Terra da Serra da Estrela!

Tiago Costa


Sem comentários:

Enviar um comentário

Fascinante!

Fascinante!

Bons Sonhos!

Bons Sonhos!

"Poema em P"

"Poema em P"

Criar e imaginar

Criar e imaginar

Momentos...

Momentos...

" A Menina do Mar"

" A Menina do Mar"

"A viúva e o papagaio"

"A viúva e o papagaio"

"O meu amigo, o sono"

"O meu amigo, o sono"