"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos"

30/01/17

Acróstico Desenhado I

   

 Etapas:
  1. Desenhar o nome na vertical
  2. A partir de cada letra, fazer um desenho
  3. Com as palavras criadas no desenho, escrever uma história

   Era uma vez um rapaz que vivia numa vila muito pequena.
   Esse rapaz era muito curioso e gostava muito de se aventurar. Se pudesse, iria até à lua de foguetão!
   Um dia, ao voltar a casa, depois das suas aventuras, deparou-se com um  labirinto cheio de folhas e de insetos, tais como lagartas, minhocas e centopeias. Esses insetos eram gigantes, capazes de comer uma pessoa viva.
   O rapazinho nem pensou duas vezes e percebeu que tinha de passar pelo labirinto o mais rápido possível, para não ser devorado pelos insetos ciclópicos!
   Encheu-se de coragem e, muito facilmente, conseguiu atravessar o labirinto. Parecia que uma certa magia no ar lhe indicava a saída!
   Perto de sua casa encontrou um homem barbudo que lhe perguntou como tinha conseguido ultrapassar aquele obstáculo, ao que ele respondeu que não sabia explicar, pois parecia que tinha recebido uma energia especial. O que interessava era que estava em casa são e salvo.

Bruno Ribeiro, 6ºI

Sem comentários:

Enviar um comentário

Fascinante!

Fascinante!

Bons Sonhos!

Bons Sonhos!

"Poema em P"

"Poema em P"

Criar e imaginar

Criar e imaginar

Momentos...

Momentos...

" A Menina do Mar"

" A Menina do Mar"

"A viúva e o papagaio"

"A viúva e o papagaio"

"O meu amigo, o sono"

"O meu amigo, o sono"